Argentina: com investimento de 10 milhões, companhia de lácteos SanCor avança na geração de biogás

terça-feira, 17 de novembro de 2015

companhia de lácteos argentina, SanCor, e a Federação Argentina de Cooperativa de Eletricidade e outro Serviços Públicos Limitada (FACE) assinaram um convênio que estabelece que o objetivo é “a mútua colaboração técnica e de complementariedade entre as partes e em todas as atividades relacionadas ao tratamento dos efluentes das fazendas leiteiras. Também, a possibilidade de utilização para a geração de energia, promovendo e realizando de forma individual ou conjunta diferentes atividades de interesse em comum”.

O presidente da FACE, Luis Alberto Pozzo, explica que “a ideia é fazer um plano piloto, em alguma fazenda da SanCor, que permita produzir biogás e gerar energia elétrica com o esterco da vaca; se a coisa funcionar, podemos somar mais fazendas e conectar os biodigestores à rede”. Os profissionais da FACE fornecerão o conhecimento técnico sobre energia elétrica e renovável e a SanCor, o pessoal, os insumos e as instalações. “A ideia é que a SanCor nos forneça as fazendas leiteiras, e nós a assessoria técnica e elétrica”.

Autoridades de Córdoba já mostraram interesse no assunto, de forma que certamente se somarão à mesa de trabalho para dar ideias. Em reuniões privadas, o Secretário de Agricultura da província se mostrou interessado na proposta. “Em 2015, o projeto já estará assinado e em curso, mas a operação começará em fevereiro ou março do ano que vem”. A priori, o investimento estimado é de 10 milhões de pesos (US$ 1,04 milhões), mas não se descarta a expansão desse orçamento. Como ponto a favor, as fazendas leiteiras da SanCor já contam com tanques de decantação, importantes para o processo de produção de biogás.

Nessa primeira etapa, Pozzo convida os especialistas a colaborar com a equipe de trabalho. “Podem participar outras federações, também o Instituto Nacional de Tecnologia Industrial (INTI), associações de produtores, universidades, órgãos dedicados ao biogás; o projeto está aberto, não é exclusivo da FACE, nós apresentamos a iniciativa à SanCor, que se interessou”.

Em 11/11/15 – 1 Peso Argentino = US$ 0,10432
9,57574 Peso Argentino = US$ 1 (Fonte: Oanda.com)

As informações são do Puntobiz.com.ar, traduzidas pela Equipe MilkPoint.